sábado, 24 de outubro de 2009

Strognoff, hoje um prato trivial, mas nos anos 70 era luxo só!



Existem várias histórias que explicam a origem desse prato tão saboroso e que atualmente anda meio em desuso, mas ainda é o preferido de muitos, mas qual será a verdadeira origem do strogonoff e qual a receita verdadeira (ou original)?

No livro francês L’Encyclopedie de la Cuisine (A Enciclopédia da Cozinha), ao apresentar a receita de Boeuf Strogonoff, seus autores dizem que o “Strogonoff ou Stroganov é um clássico da cozinha russa, adaptado pela cozinha francesa”, e que a origem do nome tem duas explicações:

1- o prato leva o nome de uma rica família de comerciantes russos, os Stroganov, que tinham um cozinheiro francês, responsável pela criação do prato.

2- o nome vem simplesmente do verbo russo “strogat”, que significa cortar em pedaços (no caso, a carne).
A revista brasileira Gula, na reportagem sobre o “verdadeiro strogonoff” diz que o nome homenageia uma antiga família da cidade de Novgorod, perto de São Petersburgo. Segundo a revista, os Stroganoff, rica família de negociantes, participavam de um clube em que os chefs das cozinhas das famílias apresentavam suas criações culinárias. Numa dessas reuniões foi apresentado o Boeuf Stroganoff, receita simples à base de carne e creme de leite fresco. E a história não pára por aí. De acordo com Eda Romio, em seu livro 500 anos de Sabor, “os soldados russos, no século XVI, levavam como ração para os campos de batalha barris com carne cortada em pedaços, coberta com sal grosso e aguardente, para que não apodrecesse. Quando iam comê-la, acrescentavam um pouco de gordura e creme azedo.

No final do século XIX, o chef francês Thierry Costet, trabalhando para nobres em Novogorod, acrescentou à mistura ingredientes europeus, como cogumelos, mostarda e páprica. Com a revolução de 1917, que terminou com a era dos czares no país, muitos russos foram para a Europa, onde o strogonoff ganhou os detalhes finais que resultaram no sabor que conhecemos hoje em dia”. Existem várias receitas, aqui vão algumas que mais gosto!

STROGNOFF DE FILÉ MIGNON






Ingredientes:

1kg de filé mignon
4 colheres (sopa) de manteiga
2 cebolas raladas ou picadas
1/2 colher (sopa) de sal
2 colheres (sopa) de farinha de trigo
3 colheres (sopa) de molho inglês
1/2 xícara (chá) de conhaque
200g de cogumelos frescos fatiados
1 colher (sopa) de mostarda Dijon
3 colheres (sopa) de catchup
500 ml de creme de leite fresco

Modo de fazer:

Picar a carne em tirinhas finas, temperar com molho inglês e envolver com a farinha de trigo. Deixar descansar por 15 minutos.

Fatiar os cogumelos e refogar no azeite e 1 alho picado.

Derreter metade da manteiga em uma frigideira grande ou na panela Wok. Fritar a carne, aos poucos, em fogo alto, sem deixar juntar suco. Retirar a carne, colocar na frigideira a manteiga restante e dourar a cebola. Juntar a carne, temperar com o sal. Adicionar o conhaque, deixar aquecer e inclinar levemente a frigideira, para que o conhaque incendeie. Deixar flambar até acabar a chama, juntar os champignons, tampar e deixar por alguns minutos.

Acrescentar a mostarda e o catchup, misturar bem. Abaixar o fogo tornar a tampar e deixar por cerca 5 minutos. Incorporar delicadamente o creme de leite e deixar tomar gosto. Se estiver usando o creme de leite em lata, retirar do fogo antes de ferver.

Servir acompanhado com arroz branco e batata palha.

Strogonoff de frango



Ingredientes:

1 kg de peito de frango cortado em tirinhas
Ou de filé de sobre coxas
Sal a gosto
3 colheres (sopa) de manteiga ou margarina
2 cebolas picadas;
3 colheres (sopa) de catchup;
1 embalagem de cogumelos frescos refogados no azeite e alho
Cheiro verde picado
1 colher (sopa) de farinha de trigo
1 lata de creme de leite.
1 colher (sopa) de mostarda
1 colher (sopa) de molho inglês
1 cálice de cognac ou cachaça

Modo de fazer:

Preparar o frango: Com uma faca afiada, sobre uma tábua de corte, retirar algum resto de gordura que tenha ficado nas pontas ou por debaixo. Cortar os filés em pequenos tiras e colocá-los numa tigela, temperar com o sal, molho inglês, adicionar a farinha de trigo, misturar bem e deixar descansando por 15 minutos.

Derreter as duas colheres de manteiga numa panela e fritar os peitos de frango aos poucos para não formar muito suco.

Juntar mais 1 colher (sopa) de manteiga e fritar as cebolas. Juntar os cogumelos, tampar e deixar ferver por mais 1 minuto no fogo brando.

Acrescentar a mostarda, o catchup e deixar por mais 5 minutos, colocar o cognac, esperar evaporar e provar.

Atenção: A tampa da panela é importante, pois evita que os líquidos evaporem muito rápido e que o frango fique ressecado.

Adicionar o creme de leite, mexer bem e desligar o fogo.

Servir com arroz, batata palha e salada.


STROGNOFF DE CAMARÃO




Ingredientes:

500 gramas de camarão médio limpo;
1 cebola bem picada ou ralada
4 colheres (sopa) de manteiga;
1/2 xícara (chá) de purê de tomates;
1 colher (sopa) de molho inglês;
1 colher (sopa) de mostarda;
1/4 de xícara (chá) de conhaque;
1 caixinha de creme de leite;
1 embalagem de cogumelos frescos cortados em fatias
1 colher (sobremesa) de páprica picante
sal e pimenta-do-reino a gosto

Modo de fazer:

Temperar o camarão com sal e pimenta-do-reino moída na hora. Aquecer uma panela grande e antiaderente. Colocar a manteiga e a cebola. Deixar tomar cor e juntar o camarão. Cozinhar por 3 minutos, retirar e reservar.

Colocar os cogumelos. Deixar cozinhar por mais 3 minutos. Aquecer o conhaque em uma concha. Quando pegar fogo, jogar nos cogumelos. Deixar evaporar o álcool e adicionar o purê de tomate.

Abaixar bem o fogo. Juntar os demais temperos e o creme de leite. Deixar esquentar, mas sem ferver. Tornar a colocar os camarões reservados na panela. Cozinhar por mais 2 minutos. Retificar temperos e servir acompanhado de batata palha e arroz!

3 comentários:

Zari disse...

Meu prato predileto!

Mariazita disse...

Querida Teresa
Gosto imenso de strgonoff, e é um prato que faço com certa frequência.
É engraçado que a minha receita não é igual a nenhuma destas, mas é uma mistura de todas elas.

O que nunca fiz, nem sequer sabia que se podia fazer, é strogonoff de camarão. Deve ser delicioso.
Tenho que experimentar!

Amanhã vou postar no "Histórias".
Vemo-nos lá?

Beijinhos
Mariazita

Ana Martins disse...

Amiga Teresa,
também gosto muito de strognoff e também faço de vez em quando. Tal como a Mariazita desconhecia o de camarão.

Beijinhos,
Ana Martins