sábado, 28 de novembro de 2009

DOCE NATALINO TÍPICO DO SUL DA ITALIA


Cresci degustando, no período natalino, um doce típico com mel. Todos os que frequentam a minha casa tornam-se fãs incondicionais desse doce!

Rosquinhas, tirinhas ou bolinhas de massa doce fritas, passadas no mel, de sabor inigualável, com gostinho natalino! Simplesmente uma delicia!

A base da receita é sempre a mesma, mas conforme a região da Itália e da cozinheira, aparecem pequenas variações nos ingredientes e na forma da apresentação.

CANNARICULI (STRUFOLI CALABRÊS)



RECEITAS DA MINHA MÃE GIOVANNINA


Ingredientes
:

3 ovos inteiros
Farinha de trigo o suficiente, aproximadamente 400 g
3 colheres (sopa) de açúcar
1 colher (café) rasa de fermento em pó
1 colher (sobremesa)de rum ou cachaça
Um fio de azeite
Uma pitada de sal
150 g de mel
Óleo para fritar

Modo de fazer
:

Misturar os ovos com o açúcar, juntar a pitada de sal, o azeite, o rum, o fermento e a farinha de trigo peneirada, até dar ponto de amassar sem grudar nas mãos.

Abrir a assa com o rolo ou passar no cilindro, cortar tiras ou fazer pequenas rosquinhas. Manter a superfície polvilhada com farinha para evitar que grudem.


Em uma panela funda colocar óleo suficiente para fritar. Aquecer o óleo e abaixar o fogo. Colocar as massinhas, aos poucos e quando começarem a dourar retirar e colocar em papel absorvente.



Numa panela funda despejar metade do mel, aquecer e colocar as massinhas fritas aos poucos mexendo sempre para que fiquem todas envolvidas com o mel. Repetir a operação até o término do material.







CICIRATA



É o mesmo doce com uma apresentação diferente e pode ser acrescido de nozes trituradas.







Ingredientes:

São os mesmos da receita anterior mais 150 g de nozes trituradas e um vidro de mel de 250 g.

Modo de fazer:

Misturar os ovos com o açúcar, juntar a pitada de sal, o rum, o azeite, o fermento e a farinha de trigo peneirada, até dar ponto de amassar sem grudar nas mãos.

Pegar pequenas porções de massa e fazer rolinhos, cortar e fazer pequenas bolinhas.



Em uma panela funda colocar óleo suficiente para fritar. Colocar as massinhas aos poucos e quando começarem a dourar retirar e colocar em papel absorvente.

Numa panela funda despejar metade do mel e das nozes trituradas, aquecer e colocar as massinhas fritas aos poucos mexendo sempre para que fiquem todas envolvidas com o mel e as nozes. Repetir a operação até o fim do material.

Com ou sem nozes, a Cicirata pode ser montada em forma de rosca.

3 comentários:

Fernanda disse...

Amiga,

Que belas Cicicratas, acho que vou gostar muito.
Ima novidade para o meu Natal.
Obrigada.

Também sou apaixonada por cozinha e sou criativa, acho que é de família :)))

Não tenho um Blogue específico sobre culinária, mas encontrará receitas minhas Na Casa do Rau ou no Sempre Jovens.

Voltarei, já sou seguidora para estar mais atenta.

Beijo
Fernanda Ferreira

Mariazita disse...

Querida Teresa
O Natal está à porta, e não tarda nada começam os preparativos para a ceia de Natal. Tenho uma receita de bolinhos de jerimú (uma espécie de abóbora) que era da minha sogra, que, se forem feitos com uma semana de antecedência ficam mais saborosos. Portanto, já vê...

Gostei muito destas suas receitas. Todos os anos procuro fazer uma receita nova (mantendo as tradicionais) para variar um pouco.
Já copiei a receita das ciciratas e do cannariculi, para experimentar este ano.
Obrigada, amiga.

Bom fim de semana.

Beijinhos de mel...
Mariazita

Mariazita disse...

Olá, Teresa, boa noite
Mandarei por email. Tenho duas um pouco diferentes uma da outra. Mando as duas.

Beijinhos
Mariazita

Só posso mandar amanhã. Agora tenho que ir preparar a Anita para amnhã.